Share, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Posted in:

O que você come?

 


Você sabia que somos o que comemos?

Tudo que nos chega pelos órgãos dos sentidos pode ser entendido como alimento, nutrição.

Assim, são alimentos: os sólidos, os líquidos e o ar…

Também são alimentos aqueles pertencentes a uma classe mais sutil: as impressões, as emoções, os pensamentos!

Tudo será digerido em seu sistema específico e refletido em nossa saúde física, bem como na maneira de vermos e sentirmos a nós mesmos e o mundo.

Os do primeiro grupo serão bem ou mal digeridos, dependendo da:

  • quantidade,
  • maneira como foram preparados tanto na cozinha quanto nas plantações e criações,
  • hora em que foram ingeridos,
  • condições internas de todo o sistema digestivo.

Os alimentos do segundo grupo por sua vez, serão digeridos conforme nossa condição mental, emocional e espiritual… Esta relação torna-se complexa e a responsabilidade na escolha do que ingerimos, é inevitável.

A terapia Ayurveda (sistema de medicina indiana, por volta de 6000 a.c.) sugere hábitos alimentares saudáveis e simples que voce poderá adotar.

Com o tempo, verá que sua saúde tenderá ao equilíbrio, sob todos os aspectos.

Pela manhã, assim que se levantar, esvazie os intestinos e a bexiga.

Tome uma chuveirada retirando as toxinas que foram eliminadas para a pele durante a noite. Quando saltamos esta etapa elas serão reabsorvidas para corrente sanguínea.

Em jejum, tome um copo de água morna (é opcional pingar algumas gotas de limão). Este hábito ajuda a limpar as toxinas que ainda permaneceram no trato digestivo e que deverão ser eliminadas o quanto antes.

Faça algumas sequências de Suryanamaskar (saudação ao sol). É importante que você aprenda a correta execução das posições e a respectiva técnica respiratória, com um professor capacitado para o ensino de Hatha Yoga.

Poderá praticar pranayamas (exercícios respiratórios) seguidos de alguns minutos de meditação.

Agora chegou a hora do seu desjejum!

Os alimentos serão escolhidos de acordo com sua constituição (Vata, Pitta, Kapha). Para isto talvez seja necessário a orientação de um terapeuta desta área.

Mas para todos os tipos de constituição é importante dar preferência ao leite (de “vaca feliz”) morno, açúcar mascavo, pão integral, frutas da estação, queijos frescos, chás! Se for usar aveia, que seja cozida! Evite as fibras cruas.

Manter-se hidratado, bebendo pequenas quantidades de água, de hora em hora. Assim os rins não ficarão “cansados”.

As frutas deverão ser ingeridas em um horário só para elas, evitando usá-las nas principais refeições.

No almoço, dê preferência aos alimentos orgânicos frescos (de procedência segura). Eles são isentos de agrotóxicos.

Use azeite ou ghee em substituição ao óleo.

O hábito de beber chá após as refeições aumenta a potência do “fogo digestivo” (agni) que processará as substâncias ingeridas.

Não “pule refeições”! É importante ter um bom ritmo para: trabalhar, descansar e se alimentar.

Ao final do dia faça uma refeição mais leve evitando sobrecarga  aos órgãos.

Tome um banho morno, lembrando-se de agradecer ao Criador, o dia que você teve.

Aproveite para estar com seus familiares em um encontro agradável, acolhedor, amigável…

Poderá colocar um óleo essencial de lavanda ou camomila para aromatizar o ambiente, acender estrategicamente algumas velas, diminuindo as luzes, uma música suave…

Massageie os pés que lhe levaram para lá e para cá…

Faça uma leitura amena, que lhe descanse a mente…

Se optar por assistir TV, busque a programação menos violenta, evitando trazer para dentro da sua “casa”  o lixo dos conflitos forjados em filmes e novelas… Nosso cérebro registra tudo aquilo como algo real e descarrega na circulação sanguínea,  substâncias capazes de alterar o metabolismo físico e psíquico, nada recomendado para quem já vai dormir! Afinal, todos devem ter um sono reparador

… E então?

Aposto que você identificou  algumas condutas que já podem ser mudadas!

Decida a achar o caminho de volta ao que é natural, saudável e simples.

Alimentar-se adequadamente em todos os aspectos, contribuirá para que você seja mais lúcido, feliz, leve, amável…

Chamo isto de: “caminho de volta pra casa”!

Portanto, desejo-lhe hoje um bom alimento e muita saúde!

 

Texto: Dáfani Nardi

 

3 Comments

Leave a Reply
  1. Passeei com os “óios”.
    É preciso ver com o tempo.
    Fantástico. Encantador.
    Continue.
    ..um dia o poço, para ser mais útil, saiu em busca do viajor.
    transpôs, contornou obstáculos, em momentos quase voltou, mas, sem desanimar, prosseguiu em direção ao seu novo destino…..
    Com o carinho de sempre.
    Seu irmão mais velho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *