Share, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Posted in:

” Mantra” – Qual é o seu som?

A Natureza é Mãe e nos embalando, canta aos nossos “ouvidos” as mais variadas canções…

A melodia do vento que ora passa suave trazendo os aromas, ora com todo vigor alterando a paisagem!

Ouvimos o som dos insetos em rotas incansáveis ou mesmo o som de outros animais em seu ir e vir… o cantar dos pássaros anunciando o amanhecer!

Que tal escutar a música do rio, da chuva caindo sobre a terra seca, sobre as folhas, sobre os telhados… o  som dos trovões!

Cada material  tem seu som e gera em nós impressões diferentes, emoções inusitadas chegando a ser terapêuticas.

A madeira tem som diferente do metal, a terra tem som diferente da água e do fogo.

Também nós, seres humanos, temos nossos sons. O som do nosso nome, ao ser falado, ecoa-se transmitindo uma mensagem. Daí a importância de  saber seu significado e a mensagem de que é portador!

Assim como acontece na  Natureza, podemos escolher quais os sons que queremos emitir para o nosso interior e exterior!

Estes, são os reflexos das palavras que usamos no cotidiano. Palavras de negatividade ou otimismo, tristeza ou alegria, desânimo ou perseverança… são acompanhadas de impressões que despertam os vários estados da emoção!

Pergunto-lhe: qual é o seu som? Quais as impressões e vibrações que você tem criado em torno de si mesmo com as palavras que fala?

Qual é o tom e o som da sua voz? O que ela carrega de informações sobre você? Que mensagem você deixa dentro e fora de si com os sons que escolhe vibrar?

As palavras funcionam como “mantras” (do sânscrito: Man – mente, Tra – entrega, proteção) que repetidos, mesmo mentalmente, criam uma atmosfera própria do seu conteúdo.

Ouça o soar dos sinos… Cantam ecoando boas novas, anunciando algo importante.

Que suas palavras, assim como os sinos, criem sons que se propagem, ecoando também  harmonia e prosperidade, consolo e alegria.

Verbalize  em afinação com o som Divino do universo, estando em sintonia com a saúde em todos os níveis.

Portanto, já que as palavras faladas, lidas e pensadas são sons em diversos níveis, eu digo: “Que todos os seres sejam felizes”

Hari OM!

Texto: Dáfani Nardi

2 Comments

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *