Share, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Posted in:

Fonte Viva

Se partirmos do princípio de que o Universo foi criado pela Intenção Divina e que a nossa essência também é Divina, então Jesus estava certo quando disse: ” Vós sois deuses”!

Como pequenos deuses, criamos dentro e fora à partir das nossas intenções!

… o tempo passou, o sedento ser humano construiu, progrediu e também se distanciou do “Sagrado”, pois lisonjeado com as suas criações, colocou as aspirações em um plano horizontal de conquistas.

Mas como a Intenção Divina é soberanamente justa e boa e nunca falha, foi dada ao homem uma ferramenta curiosa chamada “livre arbítrio” só podendo ser usada sob os domínios de uma lei chamada: Causa e Efeito.

Graças a esta lei, tudo o que se planta, se colhe, portanto, somos o que pensamos.

O cientista japonês Masaru Emoto, demonstrou como a estrutura molecular da água é alterada, segundo o efeito de certos sons, sentimentos, palavras, pensamentos, bem como sob condições ambientais.

Ele submeteu porções de água à essas condições e depois de congelá-las fotografou os cristais formados.

Para sua e nossa surpresa, os cristais apresentaram-se harmônicos e belos em presença dos agentes como a energia de uma oração, um muito obrigado, com a presença da essência de camomila, a pastoral de Beethoven, ou quando coletada em uma nascente!

Mas o contrário também se deu, quando sob o clima de discussões, ao som de um rock heavy metal, ao som da voz de Adolph Hitler ou quando coletada de um rio poluído!

Lembro que 2/3 do nosso corpo é formado de água e se um simples muito obrigado é capaz de mudar sua estrutura molécular, então podemos mudar nosso padrão de saúde, usando mais vezes e mais intensamente as orações, a cordialidade, palavras de amor, encorajamento, amizade, fraternidade…

E se acontece no micro, acontece no macro, pois 2/3 da Terra é composta de água!

Inspirada pela fala sensível do arquiteto Carlos Solano, que também trabalha arduamente por um mundo sustentável e melhor, desenvolvi e proponho este exercício de autotransformação:

  • Pegue um copo de água filtrada e vá para um local onde possa estar tranquilo.
  • Respire calmamente e tome consciência de si mesmo. Pense em sua vida, nos desafios, nas aspirações, observe seus sentimentos e escolha uma palavra ou expressão a ser trabalhada em prol do seu equilíbrio e harmonia interior e da autossuperação.
  • Escreva o que escolheu em um papel e coloque sob ou sobre o copo d’água.
  • Intencione a palavra agora já escrita com a energia do seu coração, com sua mais profunda vontade. Se possível, visualize-a e se quiser repita as suas intenções em voz alta.
  • Fique assim por instantes, enquanto sua água se torna “intencionada”!

Esta água deverá ser sorvida calmamente e por estar intencionada, será capaz de ajudar a alterar padrões desarmonizados em você. Sem dizer que enquanto intencionamos a água, também mudamos nosso padrão interno melhorando humores aquosos como secreções glandulares, linfa, sangue, etc…

Águas intencionadas deverão nos servir nas mesas de trabalho, no “criado mudo”, junto a um enfermo, em momentos de oração em família…

Poderemos ter assim águas como de uma fonte viva, gerando saúde em todos os níveis.

Se somos o que pensamos, então é hora de mudarmos o mundo para melhor, começando dentro de nós.

Será por acaso que o nosso planeta também tem a mesma proporção de água que a nossa?

Pense nisto e faça isto!

Om, shanti, shanti, shantihi!

Eu invoco e me entrego à paz, paz, paz!

Texto: Dáfani Nardi

Imagem: Intencionando a água. (Foto: Dáfani Nardi)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *